Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017
Busca
 




Notícia
Arte & Cultura
Livro conta a saga dos índios gigantes na Amazônia
Cronos :: Assessoria de comunicação
Publicado em :19/09/2013 às 19:19
TAMANHO DA LETRA A A A A
Editora.
História é fundamentada na época da ditadura

Da Assessoria

Imagine o Brasil no início da década de 70, nos duros anos do ditador Emílio Médici e a política de expansão para o Centro-Oeste e Norte do Brasil. É neste contexto que trabalham funcionários da Funai, sertanistas e indigenistas, entre outras tarefas fazendo contato com tribos indígenas, algumas das quais desconhecidas até então.

A obra foi lançada em Brasília, no Sebinho Livraria e Café, na 406 Norte.

“Baseada em fatos vivenciados pelo autor como parte desta equipe, a obra narra a trama que se delineia entre uma violenta política desenvolvimentista, em plena ditadura militar, e a vida de um povo indígena até então sem contato com o homem branco, que se tornou vítima de um tenebroso crime, pelo fato de suas aldeias estarem localizadas exatamente no curso de uma rodovia que cortou o coração do seu território”, explica o editor Ramon Carlini, da Carlini & Caniato Editorial, editora da obra.

 

Sobre o autor

Filho e neto de indigenistas, Odenir Pinto de Oliveira viveu até a adolescência entre os povos indígenas Bakairi e Xavante, no norte/nordeste de Mato Grosso. Ingressou no órgão oficial de indigenismo (Funai) por intermédio do Primeiro Curso de Indigenismo, (1970/71) atuando em diferentes regiões do país, especialmente nas atividades de demarcar e proteger territórios indígenas. E, mais recentemente, na defesa do patrimônio material e imaterial destes povos. Aposentou-se, em abril de 2007, e saiu da Funai.

__

Serviço
 

“Sinais de Chegada” (Carlini&Caniato Editorial, 2013, 352 páginas). 
Autor: Odenir Pinto de Oliveira.  Preço: R$ 39,99


 
© 2009 BSB BRASIL - o site de Brasília para o Brasil. Todos os direitos reservados - Fone:(61)3046-8037 - E-mail: comercial@bsbbrasil.com.br