Uma missão da Unesco vai analisar os danos da guerra no Mali na cidade histórica de Tombuctú. Os islamitas radicais que dominavam a área foram obrigados a fugir em meio à intervenção francesa no país.