Uma mulher de 28 anos fez uma inscrição no quadro "A liberdade guiando o povo", de Delacroix, no museu do Louvre em Lens, no norte da França. A pintura é uma das que mais atraem visitantes. O diretor do departamento de pintura e uma restauradora vão avaliar o estrago provocado no obra.