O presidente da Bolívia, Evo Morales, expropriou nesta segunda-feira (18) a empresa Serviços de Aeroportos Bolivianos S.A.(Sabsa), filial das espanholas Abertis e Aena, que administra os três maiores aeroportos do país, acusando-a de ter feito investimentos insuficientes.