Os dois principais candidatos à Presidência do Quênia, o primeiro-ministro, Raila Odinga, e o vice-primeiro-ministro, Uhuru Kenyatta, foram nesta segunda-feira votar e pediram a seus compatriotas para irem em massa às urnas - e em paz.