Washington vai trabalhar para fortalecer a oposição síria, de acordo com declarações do secretário de Estado americano, John Kerry, em uma reunião com o ministro das Relações Exteriores da Arábia Saudita.